Terça-feira, 18 de janeiro de 2022
informe o texto

Notícias / Política

Desembargador nega recurso e decide manter Emanuel Pinheiro afastado da prefeitura

29 Out 2021 - 16:52

Da Redação

Desembargador nega recurso e decide manter Emanuel Pinheiro afastado da prefeitura

Foto: Secom-Cuiabá

O desembargador do Tribunal de Justiça, Luiz Ferreira da Silva, decidiu manter Emanuel Pinheiro (MDB) afastado do cargo de prefeito. A decisão negou recurso impetrado pela defesa do emedebista.

Emanuel Pinheiro foi afastado no cargo na terça (19) após a deflagração da Operação Capistrum, do Ministério Público. Ele é acusado de fazer “loteamento político” na Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

A secretaria chegou a ser apelidada pelos suspeitos de “canhão político” por abrigar apoiadores da campanha eleitoral com pouca qualificação técnica. 

Ainda segundo as investigações, eram distribuídos para os servidores os chamados “prémios saúde”, que são remunerações adicionais ao salário. Os valores seriam definidos sem observar critérios justos e oficiais. 

Por conta da Operação, Emanuel foi afastado do cargo e o vice Stopa assumiu o comando do Palácio Alencastro. 

Numa outra decisão, em caso que apura improbidade administrativa, Emanuel Pinheiro também recebeu em seu desfavor a sentença de afastamento do cargo, pelo período mínimo de 90 dias. 

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet