Sexta-feira, 15 de janeiro de 2021
informe o texto

Notícias / Pinga Fogo

Deu no Estadão: Reportagem mostra 'PPPs caipiras' de MT como alternativa à crise

23 Nov 2020 - 14:12

Da Redação

Deu no Estadão: Reportagem mostra 'PPPs caipiras' de MT como alternativa à crise

Foto: Reprodução

Uma reportagem do jornal Estadão mostra o sucesso das chamadas 'PPPs caipiras', Parcerias Público-Privadas criadas em Mato Grosso, que tiveram o modelo de gestão replicado para estados como Paraná e Bahia. Essas cooperativas, capitaneadas por produtores rurais em parceria com o poder público, são usadas para financiar e executar obras em rodovias, como uma forma alternativa à crise econômica. 

"Os produtores de Mato Grosso, por exemplo, inspiraram uma associação rural em Toledo, no oeste do Paraná, a fazer o mesmo. Lá, o município custeia 70% das obras nas estradas e eles doam os 30% restantes", diz trecho da reportagem.

Assim como ocorreu em MT, há duas décadas, a motivação para a inserção das associações em outros estados também foi a queda de investimentos públicos. Em Mato Grosso, a realidade da infraestrutura rodoviária é outra, com investimentos sendo feitos pelo Estado e por associações, formando uma parceria que tem dado certo. 

"Com a arrecadação de Estados e municípios em baixa, por conta da pandemia do novo coronavírus, e o agronegócio sendo um dos poucos setores da economia que se saiu bem este ano, mesmo nos piores momentos da crise, grupos de produtores de diferentes cantos do País têm se reunido para administrar – eles próprios ou em associação com governos – obras de infraestrutura em suas regiões", diz trecho da reportagem publicada no início do mês, mostrando o exemplo de MT para o resto do Brasil.  

Reportagem completa em Com governos à míngua, 'PPPs caipiras' financiam reformas de estradas e portos

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet