Sexta-feira, 29 de maio de 2020
informe o texto

Notícias / Artigos

Exemplo para o Brasil

17 Mai 2020 - 08:48

Fabio Garcia – engenheiro civil, suplente de senador e presidente do Democratas de Mato Grosso

Exemplo para o Brasil

Foto: Divulgação

A Pandemia do Covid-19 tem exposto a real capacidade administrativa de cada gestor público de nosso país. Os momentos de crise exigem que os gestores tomem medidas concretas, se apresentem, liderem e conduzam as ações para enfrentar cada batalha. Não há como um gestor se esconder atrás de propagandas enganosas e estratégia de marketing quando são chamados a tomar decisões diariamente. São nestes momentos, portanto, que conhecemos a verdadeira face e o preparo de cada gestor público em nosso país.

Digo com muito orgulho que Mato Grosso, liderado pelo nosso governador Mauro Mendes, da exemplo ao país. Enquanto uns tentaram se aproveitar da pandemia para fazer politicagem, para aparecer, causando pânico, gerando polêmica, dando entrevistas e mais entrevistas, jogando para plateia, fazendo da pandemia um circo, criando soluções mirabolantes em quase uma competição de quem aparecia mais, fechando comércio e atividades de forma prematura, Mauro Mendes foi para o lado oposto. Discreto, colocou a mão na massa, e com responsabilidade, trabalhou.

Ao lado de sua equipe organizou o estado para enfrentar a pandemia. Trouxe primeiramente uma palavra de equilíbrio e confiança a todos os mato-grossenses de que era preciso ter calma e tranquilidade para enfrentar este momento. Liderou os municípios sugerindo que as ações fossem tomadas baseadas em dados estritamente técnicos e não em discurso político, que conseguiam trazer o equilíbrio entre a prioridade de salvar vidas e necessidade de se preservar as atividades econômicas e o emprego.

Com um estado organizado, fruto de seu trabalho desde o início da gestão, com dinheiro em caixa, fornecedores pagos em dia, salários depositado na conta e unindo os Poderes em torno dessa luta, o governador deu início a uma reestruturação da saúde pública, jamais vista, para atender os pacientes do Covid em todo o estado. Organizou os hospitais públicos preparando e criando mais leitos específicos para o coronavírus nos principais municípios de Mato Grosso.

Depois, de forma pioneira em todo país, lançou o programa, ‘eu cuido de você e você cuida de mim’, incentivando a utilização de máscaras, exemplo seguido Brasil afora, demonstrando sua preocupação com a saúde de cada mato-grossense.

Mas o governo de Mato Grosso foi mais ousado, mais corajoso e impressionantemente eficiente. Em apenas 45 dias Mato Grosso construiu um novo hospital com 210 leitos, 30 UTIs para atender os pacientes com Covid. Coisa que somente se viu parecido na China e em outros poucos lugares no mundo. E o que faz dessa obra algo diferente do que acontece em todo Brasil? Primeiro que é um hospital definitivo que ficará para sempre em Mato Grosso, construído com qualidade enquanto o que vemos acontecendo no país são hospitais de campanha, provisórios, que serão desmobilizados após a pandemia, ou seja, serão utilizados somente por alguns meses. Segundo, o tempo de construção desse hospital foi de apenas 45 dias, praticamente o mesmo tempo de um hospital provisório. E por último e mais importante é que o custo deste hospital foi menor do que está se pagando em várias cidades do Brasil para alugar um hospital provisório. Somente como exemplo, enquanto no Estado do Rio de Janeiro, o governador Wilson Witzel gastou R$ 90 milhões para alugar 200 leitos por 3 meses, em São Paulo o governador João Dória gastou R$ 42 milhões para alugar 240 leitos por 3 meses, em Mato Grosso o governador Mauro Mendes gastou 50% a menos por leito,  R$ 16,5 milhões total, para construção de 210 leitos definitivos, ou seja, um exemplo de eficácia na aplicação do dinheiro público.

Com tudo isso, Mato Grosso é um dos estados mais preparados para enfrentar o Covid-19 e tem hoje uma das melhores capacidades hospitalares do Brasil dedicadas ao combate a pandemia em termos de leitos por habitante.

Isso nos traz a tranquilidade de que estamos no caminho certo e que somos liderados por um governador técnico, responsável, eficiente e que busca resultado e não plateia. Sofreremos sim com a pandemia, mas posso apostar que Mato Grosso está preparado para a batalha e será sem dúvidas o primeiro estado a se recuperar desta crise.

Sem alardes, Mauro Mendes segue trabalhando e dando exemplo de responsabilidade e eficiência para o Brasil.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
Sitevip Internet